Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Nightmares Between Dreams

Nightmares Between Dreams

Capitulo 32

Pela Diva Pandi, em 24.02.15

Apresando um pouco aqui.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Dia do casamento:
Acordei mais cedo e fui me arrumar e fiz tudo que eu tinha pra fazer. Eu estava no carro ainda, eu respirei fundo.
Estava assim:
Noiva? 2
(ueheuheu sim gente, ela casou de all-star)
Quando Alec veio me buscar, eu sai do carro e grudei no braço dele enquanto ele me guiava para a praia.

O caminho dava no cais da praia.

Oli estava parado embaixo do arco e quando me viu abriu um sorriso lindo e eu também. Eu andei até chegar la Alec deu minha mão para Oli e Oli pegou dando um beijinho nela.
Nós viramos para o padre e ele foi falando.
Padre: Primeiro os votos de casamento.
Oli: Não somos um casal melado, mas duvido que tenha alguém que duvide do nosso amor. Quer dizer, a gente duvida, mas a gente é louco, e eu te amo Ramona Reamonn.
Mona: "Não é curioso, o amor da sua vida, surgir logo na sua vida?" Eu vi isso num filme bobo de TV e nunca mais esqueci. Nunca mais esqueci porque a cada novo momento, a cada nova experiencia, a cada nova conquista... você ao meu lado me fazia lembrar dessa fala e sorrir sozinha a onde quer que eu estivesse... E enquanto houver respiro que possa ser transformado em suspiros... Eu te amo Olliver Collins.
Padre: Agora Olliver repita comigo...
Oli: Eu Olliver Collins, recebo-te por minha esposa a ti Ramona Reamonn, e prometo ser-te fiel, amar-te e respeitar-te, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, todos os dias da nossa vida, até que a morte nós separe.
Ele colocou a aliança na minha mão direita.
Mona: Eu Ramona Reamonn, recebo-te por meu esposo a ti Olliver Collins, e prometo ser-te fiel, amar te e respeitar-te, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, todos os dias da nossa vida, até que a morte nós separe.
Eu coloquei a aliança na mão direita dele.
Padre: Pode beijar o noiva.

Tcy&Emma&Kim: É isso aé. UHUUUUUUUL.
Aplausos e gritos, depois quando estávamos saindo, tacaram arroz, espuma e pétalas de rosa na gente.


Fomos para a festa do casamento, eu troquei de vestido no meio da festa e teve a dança que eu e Oli ficamos brincando e eu comi bastante. Depois chegou a hora de mim e Oli irmos para a lua de mel. Eu peguei o buque e chamei todo mundo.

Fechei os olhos e joguei, e quando virei para olhar Tcy havia pegado e me deu um sorriso, eu chamei as meninas e me despedi delas e depois fiz o mesmo com os meninos. E Oli também. Entramos no carro. Não sabiamos onde estavamos indo, pois a mãe do Oli e nossos amigos quem tinham arrumado e orgaizado tudo. Chegando ficamos surpresos.

Ele me pegou no colo e entramos no chale.

Ele me levou pro quarto e me soltou, eu corri pra cama e comecei a pular e ele se juntou a mim.

Depois eu cai na cama e ele veio por cima e me beijou. Eu me levantei e fiquei de costas pra ele.
Mona: Poderia me ajudar por favor?
Oli: Claro 66'
Ele tirou a fita do meu vestido e foi tirar mais eu segurei e fui pro banheiro.
Mona: Só um segundo 66'
Foi um pouco dificil de por mais consegui.

E enves de voltar pro quarto fui até a sala e chamei.
Mona: Olliveeer (voz sensual)
Eu me sentei no sofá e ele apareceu e quando me viu deu um sorrisinho.
Oli: Meu deus. 66'
Ele veio ate mim e eu me sentei ele começou me beijando, sem mais nada, depois colocou a mão no meu quadril me erguendo. E eu o sentei subindo encima da mesa de centro e comecei a dançar e ele ficou sentado olhando. Eu desci da mesa e subi encima dele e o beijando e senti um volume entre minhas pernas, tirei terno dele e fui desabotoando a blusa dele, e então tirei ela também.
Eu fiquei de pé e puxei ele e tirei a calça dele e a cueca. Nós fomos com calma.
Então chegou a vez dele me despir. Ele tirou meu colar depois meu sapato e foi tirando minha mais enquanto beijava minha coxa. Depois ele desamarrou o corselete atras e tirou ele devagar me beijando. Eu me levantei e nós começamos a nos beijar no inicio foi calmo mais depois foi ficando mais intenso e rápido, ele me deitou no sofá devagar e passou a mão dos meus seios até o meio das minhas pernas e me penetrou com os dedos e eu gemia um pouco entre o beijo.
Ele parou então e me penetrou. E foi logo rapido.

Eu gemia e gozei algumas vezes até ele, depois eu liguei a banheira, e fui tomar um banho.

Ele foi comigo e depois resolveu entrar tambem. Tomamos um banho delicioso e depois fomos pro quarto.
E como somos crianças, voltamos a pular na cama.

Até que ele caiu ae eu peguei o traviceiro e começamos a brincar.

Depois que nós cansamos fomos pra sala e ficamos assistindo um filme e comendo sorvete. E depois dormimos.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo